0
0
0
s2sdefault

 

Publicado 18/10/2019

 

Para dar mais conforto aos fieis que vão à Arena Fonte Nova no domingo (20) para a celebração da primeira santa nascida no Brasil - Dulce dos Pobres, uma ação especial foi montada envolvendo diversos órgãos municipais para a prestação de serviços públicos essenciais aos que vão participar da ocasião. A expectativa das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), uma das organizadoras, é de que a cerimônia deverá reunir 55 mil pessoas.

Em decorrência do evento, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) vai disponibilizar duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu 192), sendo uma de suporte básico de vida e outra de suporte avançado, para possíveis atendimentos na região da Fonte Nova. Além disso, duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), situadas nos bairros de Brotas e dos Barris, funcionarão como retaguarda para receber possíveis ocorrências provenientes da celebração.

Outras 41 unidades do Samu 192, ambulanchas – veículos aquáticos de atendimento de urgência -, e motolâncias funcionarão normalmente, também prestando assistência para os chamados em toda a cidade.

Na proteção ao patrimônio público, a Guarda Civil Municipal (GCM) realiza o patrulhamento preventivo no local desde a terça-feira (15). No domingo, viaturas vão realizar rondas e prestar apoio às barreiras de trânsito instaladas pela Transalvador, bem como à fiscalização e ao ordenamento da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

Por meio da Diretoria de Iluminação (DSIP), a Semop promove ainda reforço da iluminação com a instalação de aproximadamente 50 projetores nas vias que dão acesso à Arena e ao Dique do Tororó. Os principais locais são as avenidas Joana Angélica e Vale de Nazaré, bem como a Ladeira da Fonte das Pedras, a Rua Boulevard América e os espaços em que os veículos ficarão estacionados.

Desde a segunda-feira (14), serviços de manutenção estão sendo executados e rondas serão implementadas para garantir o perfeito funcionamento do sistema de iluminação, solucionando principalmente os pontos apagados por situações diversas, como por exemplo, as lâmpadas queimadas. Também foram instaladas peças decorativas em alusão à Santa Dulce em pontos turísticos da cidade e no entorno da Arena.

Trânsito e transporte – Para dar mais fluidez ao tráfego, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) vai fazer alterações no tráfego das principais ruas do entorno do estádio, a partir das 10h do domingo. Agentes do órgão estarão nos locais para orientar os motoristas. Além disso, foram reservadas 400 vagas próximas à Arena para estacionamentos de ônibus que trarão esses devotos.

Já na área de transporte, a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) vai prolongar o horário de funcionamento de sete linhas de ônibus que possuem a Fonte Nova como itinerário para até a 0h, e disponibilizar 15 veículos da frota reguladora para as estações da Lapa, Pirajá, Mussurunga e Acesso Norte, das 16h a 0h. Outra opção é solicitar o serviço de táxi através do aplicativo Táxi Mobi, que estará operando com bandeira 1 e 25% de desconto. Além disso, terão dois pontos de táxi no entorno da Arena: defronte o supermercado Bom Preço, ao lado do Convento Desterro, e o outro em frente ao Restaurante Porteira, lado direito da via.

Quem preferir, pode utilizar o serviço de mototáxi credenciado nos pontos localizados defronte ao supermercado Bom Preço, ao lado do Convento Desterro e no Posto de Combustível sentido Bonocô.

Programação – A primeira celebração no Brasil em homenagem à canonização da Santa Dulce dos Pobres terá portões abertos da Arena Fonte Nova ao meio-dia, e início da programação às 12h30, com apresentações musicais. Às 15h, acontece o espetáculo “Império de Amor”, que reunirá mais de 550 crianças e participação dos artistas Waldonys, Margareth Menezes, Saulo e Tuca Fernandes, além do padre Antônio Maria.

Às 16h20, ocorrerá uma procissão que contará com as participações de nomes como os forrozeiros Adelmário Coelho e Targino Gondim e o tenor Thiago Arancam. Às 17h30, será realizada a celebração eucarística com o arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, e encerramento com procissão que levará a imagem de Santa Dulce.

0
0
0
s2sdefault